Folha de S. Paulo

Ilustrada

Na Virada em Guarulhos, prefeitura só paga a artistas conhecidos

A cantora Daniela Mercury, em São PauloEduardo Anizelli – 16.jul.2015/Folhapress

A cantora Daniela Mercury, em São Paulo

A primeira edição da Virada Cultural Paulista em Guarulhos, marcada para sábado (13) e domingo (14), gerou revolta entre os artistas das região. A prefeitura quer que eles se apresentem sem receber cachê pela participação.

O evento também terá nomes conhecidos, como Daniela Mercury e as bandas Dona Zaíra e Francisco El Hombre, que receberão pelos shows. Já o edital de chamamento para os artistas regionais prevê “participações voluntárias”.

Cerca de 200 representantes culturais escreveram um manifesto contra o chamamento da prefeitura, no qual informam que não irão participar da Virada Cultural por considerarem a proposta desrespeitosa com a classe artística guarulhense.

“Me senti extremamente desrespeitada pela palavra ‘voluntário’ e também porque há uma cláusula na qual o artista autoriza a sua imagem para a divulgação dos eventos. Então, vai além de não reconhecer o trabalho do artista e não pagar o cachê”, afirma a atriz e cineasta Janaína Reis, 28.

Para o produtor cultural Leandro Santos Domingos, 35, que atua há 11 anos na cidade, esse reconhecimento “não existe”, e isso vem desde outras administrações. “Na outra gestão a valorização dos coletivos e artistas da cidade não foi pauta. E, pelo visto, nesta gestão também não será”. A cidade foi comandada de 2001 a 2016 pelo PT e agora é administrada por Gustavo Costa, o Guti (PSB).

No manifesto, os artistas afirmam que não são contrários ao evento ou ao artistas contratados para a Virada, mas à forma como a prefeitura a organiza.

Ele cita, ainda, o projeto de lei municipal 1.176/17, em análise na Câmara dos Vereadores, que poderá prejudicar os artistas independentes. A proposta determina a cobrança do uso dos espaços públicos para realizações de eventos que geram impacto à livre circulação viária. Se aprovado, os artistas terão de pagar taxas para se apresentar nas ruas.

“Acho um absurdo cobrar o artista que manifesta sua arte de graça ou às vezes faz da sua arte de rua seu ganha-pão. Sem falar que isso implica no direito de se expressar e mostrar, para quem estiver interessado, algo que seria visto apenas num palco ou nas mídias sociais”, diz o músico João Ferreira, 33.

A Prefeitura de Guarulhos informou que 400 artistas se cadastraram para participar voluntariamente do evento, e que a ausência de cachê se deve à falta de caixa: a cidade tem dívida de R$ 7,5 bilhões.

A gestão Guti diz ainda que “compreende a extrema necessidade da inauguração de uma política de cachês artísticos e já realiza um estudo orçamentário para, dentro das possibilidades, realizá-la num futuro próximo”.

Sobre o direito de uso de imagem dos artistas que toparem se apresentar voluntariamente, a prefeitura diz que trata-se de um “procedimento padrão”

Capa Folha de S.Paulo - Edição São Paulo


Facebook

 

Prefeitura de Guarulhos


 Facebook

Pedro Notaro

 

Facebook - Pedro Notaro 09-05-2017.jpg

 


Pressreadear

Pressreader - Folha de S. Paulo 09-05-2017.jpg

https://www.pressreader.com/brazil/folha-de-spaulo/20170509/282329679853910

G1

 

 



 logo

https://www.guarulhoshoje.com.br/2017/05/09/guarulhos-hoje-de-09052017-edicao-2223/

Prefeitura abre inscrições para 13ª Olimpíada da Melhor Idade

Para estimular a prática desportiva, como fator de promoção de saúde e bem estar, a 13ª edição da OMIG – Olimpíada da Melhor Idade de Guarulhos, está com as inscrições abertas até o dia 19 de maio. Poderão participar atletas a partir dos 50 anos e que são vinculados aos núcleos do programa atividade física orientada (AFO), ou que atuam por algum clube ou entidade do município.

As competições envolverão as modalidades de atletismo, basquete, bocha, boliche, buraco, damas, dança de salão, dominó, malha, natação, tênis, tênis de mesa, truco, vôlei adaptado e xadrez.
Os talentos do torneio serão escolhidos para representar Guarulhos nos JORI, Jogos Regionais do Idoso, que acontecerão em São Sebastião, no mês de Agosto.

A gerente técnica de Qualidade de Vida da Secel (Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer), Nilvani Possenti, acredita que haverá uma participação muito maior do que as edições anteriores, devido à boa estrutura que a OMIG está recebendo. “O apoio ao esporte tem sido o diferencial desde janeiro, por isso, tenho certeza que atletas de todas as regiões de Guarulhos irão participar”, comentou.

Para assegurar a vaga, o coordenador ou técnico da entidade deverá comparecer à sede da Secel e retirar o pen drive no período da inscrição. A Olimpíada da Melhor Idade de Guarulhos acontecerá de 1 a 9 de Junho.

Serviço:
Inscrições para a OMIG 2017
Local: Secel
Endereço: Rua Claudino Barbosa, 313 – Macedo.
Data: até 19 de maio.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s